O único parque nacional em Portugal é uma das regiões mais bonitas do país e oferece diversas atividades para as férias, tanto a nível natural como cultural. Com uma beleza paisagística impressionante é o local perfeito para se desligar do mundo e se conectar com a natureza enquanto desfruta de diversas atividades disponíveis, que incluem muitos mergulhos, caminhadas, passeios a cavalo, mas também visitas a museus e santuários.

O que visitar

As Cascatas

Seja de verão ou inverno as cascatas do Gerês valem a visita pela beleza do local, no entanto, os meses quentes convidam a mergulhos. A Cascata Fecha de Barjas, conhecida como Cascata Tahiti, é um dos locais com a paisagem mais bonita do Gerês e fica perto da aldeia comunitária da Ermida, na freguesia de Vilar da Veiga. A  queda de água termina numa calma lagoa com margens de areia perfeitas para banhos de sol após o mergulho.

Cascata Tahiti
Cascata Tahiti créditos: Luís Cardoso / CC SA 3.0

As águas desta cascata são provenientes do águas do Rio Arado, assim como acontece na Cascata do Arado, outro local de passagem obrigatória. Situada a uma altitude de cerca de 900 metros, cria uma sucessão de cascatas únicas por entre as rochas num cenário encantador. A melhor forma de chegar ao local é através da ponte sobre o rio Arado, local onde pode deixar o carro antes de continuar a pé até chegar à cascata, depois de cerca de 10 minutos de caminhada. Pode explorar o topo da cascata pelo trilho ou apenas observá-la, a partir do miradouro existente no cimo das escadas.

Depois da Cascata do Arado pode continuar a subir a montanha em direção à Cascata da Portela do Homem e explorar esse rio. O acesso à cascata pode ser feito pela ponte sobre o Rio Homem, como é proibido estacionar junto à cascata, o melhor é estacionar  junto à fronteira e voltar a pé até à cascata.

Os Baños

Após passar a fronteira, pode relaxar em "Os Baños", perto de Lobios. Trata-se de um parque com uma "piscina" de água quente, no exterior, junto ao Rio Caldo, com propriedades termais. A piscina é pública e gratuita e permite desfrutar das águas termais ao ar livre. A área está preparada para banhos, que é utilizada tanto de verão e como de inverno.

Miradouro da Pedra Bela

Depois da Cascata do Arado, pode seguir as indicações que indicam o Miradouro da Pedra Bela, um dos miradouros mais bonitos e mais visitado do Parque Nacional da Peneda-Gerês. Situado a 829 metros de altitude tem uma vista deslumbrante para o rio e para o vale do Gerês. Aqui é possível respirar o melhor do Gerês num cenário verdadeiramente deslumbrante.

São Bento da Porta Aberta 

São Bento da Porta Aberta é o segundo maior santuário português e fica na freguesia de Rio Caldo, em Terras de Bouro e  atrai anualmente 2,5 milhões de peregrinos. Depois de Fátima, lidera as estatísticas, mesmo não gozando de uma situação geográfica favorável. A Grande Romaria de S. Bento da Porta Aberta decorre de 10 a 15 de agosto e atraí peregrinos de todo o mundo.

Os Museus

Na freguesia de Campo do Gerês pode visitar dois museus: Vilarinho das Furnas, sobre a famosa vila que ficou submersa e o Museu da Geira, sobre a antiga "estrada" que os romanos fizeram e Braga a Espanha. Junto aos museus, pode reservar um passeio na empresa Equidesafios que oferece diversas atividades, incluindo canoagem, rappel, paintball e passeios a cavalo pela região.

Vilarinho das Furnas
Albufeira de Vilarinho das Furnas créditos: Beatriznog10 / CC SA 3.0

Onde comer

O Restaurante Lurdes Capela, rodeado por belas paisagens da Ermida e da Pedra Bela, no centro da Vila do Gerês, oferece o que de melhor se faz a nível gastronómico na região. O espaço é acolhedor com um ambiente familiar e a comida não desilude. Vale a pena provar a posta à Lurdes Capela e, para sobremesa, o pudim Abade de Priscos.

O restaurante O Cantinho do Antigamente, em Covide, Terras de Bouro, é um espaço que integra o projeto Calcedónia - Fundação para o Desenvolvimento Rural, que procura preservar a tradição culinária minhota. No local existe uma loja de sabonetes artesanais, mel, compotas e outros produtos.

Para uma refeição com uma vista incrível sobre a montanha, o restaurante O Abocanhado, em Brufe, é a opção perfeita. Com a vista panorâmica fantástica, oferece pratos típicos da região, como o cabrito e a vitela barrosã, que se alimentam livremente pelos campos e encostas de Brufe.

Onde ficar

Um dos melhores locais para ficar numa visita ao Gerês é na  Quinta dos Carqueijais. Pode escolher entre uma das seis villas: Villa Panorâmica, Villa da Árvore, Villa das Oliveiras, Villa de Pedra, Villa dos Plátanos e a Villa da Floresta.

Além das piscinas disponíveis nas villas, é ainda possível mergulhar na albufeira, acessível através do ancoradouro. É o local perfeito para relaxar completamente em contacto com a natureza.

A oferta de alojamento na região é variada e pode pesquisar por várias opções, desde casas de férias a hotéis.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.