Inês tem 36 e é assistente social, o marido, João, tem 43, é professor de fotografia e apaixonado por veleiros. O casal tinha o sonho antigo de deixar tudo para viajar, mas considerava que era algo difícil de alcançar. No entanto, após passarem alguns anos a poupar ao máximo para tornarem o sonho uma realidade, a família está pronta para começar a aventura, no próximo verão. Além disso, também vão alugar as casas que têm para tornar a viagem sustentável financeiramente.

"22 dias de férias anuais não são coerentes com o nosso propósito na vida"

Em declarações ao SAPO Viagens, Inês explicou que o objetivo da viagem é aproveitar a vida. "Não nos identificamos com esta forma de viver dita normal e sentimos que estamos a perder muita coisa boa da vida passando tanto tempo a trabalhar" e explica que "muita gente quer aproveitar a reforma... mas nós achamos que é agora, com os filhos pequenos, que nos faz falta tempo para eles e para nós".

Nos próximos tempos, Inês e João vão viver no veleiro a tempo inteiro, juntamente com os seus quatro filhos: Alice, com dez anos, Manuel, com sete, Francisco, com cinco e Teresa, com dois anos. Sem data para voltar e com filhos em idade escolar, Inês optou pelo homeschooling. "As crianças vão fazer ensino doméstico, nós seremos os tutores, no entanto, estaremos sempre em contacto com a escola e não vão perder nenhum ano", garante.

A Wind Family, como é conhecida na Internet, vai partir tendo por base uma rota maleável. "Temos liberdade para ir fazendo alterações caso nos apeteça ou faça sentido", explicou Inês.

Pode acompanhar esta aventura através do Instagram, Facebook e do blog Wind Family.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.