Philip Blackwell, fundador da Ultimate Library, quer contratar um vendedor de livros para trabalhar nas Maldivas para administrar uma livraria pop-up no resort de luxo Soneva Fushi.

"Queremos alguém no terreno que seja criativo e inspirador e que, assim, consiga mais pessoas para partilhar o prazer da leitura, que é o que as pessoas gostam de fazer nas férias", disse Blackwell ao The Guardian. A loja terá livros sobre assuntos como o ambiente local, bem como títulos que podem ser de interesse para as celebridades, viajantes ricos e turistas no geral que visitam a ilha. De acordo com o The Guardian, a livraria é um dos mais recentes empreendimentos da Ultimate Library, que monta coleções de bibliotecas em hotéis e resorts, ao redor do mundo, para que viajantes e bibliófilos nunca fiquem sem material de leitura.

Como parte do trabalho, também se espera que dê aulas de redação criativa, entretenha as crianças com histórias envolventes e escreva “um blog divertido e animado que mostre a vida de um livreiro numa ilha deserta”."O pagamento é irrisório, mas os benefícios extras são incomparáveis", disse Blackwell. “O trabalho irá evoluir e cabe, em parte, ao livreiro aproveitar ao máximo essa oportunidade única. É um trabalho dos sonhos para muitas pessoas. Se eu tivesse 25 anos novamente, ficaria com esse emprego".

Anunciado como "o esconderijo original da ilha deserta nas Maldivas", o Soneva Fushi pode ser encontrado nas praias imaculadas da Reserva de Biosfera da UNESCO do Atol Baa. Quem conseguir esse emprego, vai morar perto do resort, onde os hóspedes pagam 2 mil euros por noite por um quarto e 25 mil euros para a Reserva Particular de nove quartos.

Os candidatos terão que se comprometer com um mínimo de três meses se aceitarem o emprego, mas temos a sensação de que isso não será um problema. Para se candidatar ao cargo, envie um e-mail para pb@ultimatelibrary.co.uk.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.