O percurso no desfiladeiro dos Gaitanes em El Chorro, a norte de Málaga, era considerado o trilho mais perigoso do mundo, antes das remodelações de 2015, que o tornaram seguro e fizeram dele uma verdadeira atracção turística. Durante a FITUR - Feria Internacional de Turismo, em Madrid, tornou-se oficial a sua incorporação na lista de "Trilhos mais bonitos de Espanha" pela Global Sendas. O Caminito del Rey foi certificado pela pela sua beleza, singularidade e conservação.

A distinção serviu também para promover o Caminito del Rey e os seus arredores como candidato a Património Mundial da Unesco, uma iniciativa que já conta com quase 19 mil assinaturas de apoio. O Caminito tem 7,7 quilómetros, dos quais três quilómetros são em passadiço - até cerca de 100 metros de altura - e cinco em trilho, recebendo mais de 300 mil visitantes por ano.

A candidatura a Património Mundial da UNESCO já tinha sido oficializada no ano passado, sendo agora promovida durante a FITUR, para conseguir o maior número de apoiantes. Quem quiser apoiar a candidatura pode fazê-lo através do site da iniciativa, que já conta com quase 19 mil apoiantes.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.