A plataforma European Best Destinations criou uma lista de destinos onde "os hospitais nunca estiveram superlotados, destinos que tiveram menos casos de COVID-19 e também são menos propensos a impor toque de recolher ou restrições durante a sua estadia". Alguns destinos seguros, como as Ilhas Faroe, Islândia, Noruega ou Finlândia, não aparecem neste ranking pelo factor de imporem quarentena.

Na lista de 11 destinos considerados mais seguros, em comparação com outros e que estão abertos aos viajantes, aparecem quatro destinos portugueses: Madeira, Açores, Lagoa no Algarve e Alentejo.

"Reconhecida mundialmente pela beleza das suas paisagens e pela sua natureza exuberante" a Madeira tem sido “o destino mais seguro da Europa” desde o início da pandemia. Seguem-se os Açores que também "têm permanecido na zona verde dos destinos mais seguros e é um destino seguro para as férias em 2021".

Em Portugal continental destaca-se o concelho de Lagoa, no Algarve, "um dos destinos mais seguros da Europa, com 8 vezes menos casos graves por milhão de habitantes do que países duramente atingidos como a Bélgica". Além de ter implementado "medidas desde muito cedo para proteger a população local e reduzir a propagação da COVID-19", Lagoa é considerada pela EBD um dos "mais belos destinos algarvios".

A região do Alentejo é "um dos destinos da Europa menos afetados pela COVID-19" e um destino perfeito para "fugir das grandes cidades e do stress".

Apesar das sugestões, a plataforma relembra que a pandemia evolui diariamente e recomenda que, antes de viajar, sejam verificadas todas as regras que regem o país de partida e o país de destino. Um dos conselhos é que reserve a hospedagem com a opção “100% reembolso sem taxas de cancelamento”, assim como voos, passeios e atividades (canceláveis ​​até 24 horas antes).

Seja qual for o destino, "fique atento e não esqueça o distanciamento social e o uso de máscara quando possível ou obrigatório".

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.