Cerca de 15 mil metros quadrados de torre coexistirão no campus criativo da cidade de Arles, França, a partir de 26 de junho deste ano. Esta será a última construção do arquiteto Frank Gehry, vencedor do Prémio Pritzker e autor, entre outros marcos arquitetónicos, do Museu Guggenheim de Bilbao.

A torre Luma Arles é uma estrutura geométrica retorcida, com uma base cilíndrica, com cerca de 56 metros de altura e revestida com 11.000 painéis de aço inoxidável dispostos irregularmente. De acordo com Frank Gehry, um anfiteatro romano inspira a base e a pintura de "A Noite Estrelada" de Vincent van Gogh, as partes superiores.

O complexo artístico abrigará exposições, refeitório, galerias de arte, espaços para projetos culturais e de pesquisas da associação LUMA, dirigida por Maja Hoffmann.

O projeto Arles é ideia de Maja Hoffmann, que fundou a LUMA em 2004 como uma organização filantrópica internacional. A Fundação concentra-se nas relações diretas entre arte, cultura, questões ambientais, direitos humanos, educação e pesquisa.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.