Genevieve Blais é uma artista fotográfica, a viver em Toronto, conhecida pelos seus trabalhos que envolvem narrativas históricas e teóricas da arte. Todo o seu trabalho é fortemente inspirado pela morte, escuridão e história da arte. "Acredito que não é possível apreciar a luz sem a escuridão, e a melhor maneira de vencer lutas e tragédias é através da beleza", contou ao SAPO Viagens.

Genevieve criou um projeto onde reinventa as pinturas mais famosas da história da humanidade e as adapta à realidade atual, protegidas com máscaras. "Eu quero que as pessoas sorriam ao ver as imagens, mas que também tenham certeza de que estamos juntos nisso" explica Genevieve. "As pessoas enfrentaram pragas e pandemias no passado, e o mundo recuperou-se. Eu acho que é uma mensagem de tranquilidade e uma oportunidade de sorrir no meio da escuridão."

A jovem artista não é indiferente às preocupações, admite que está com com medo e cheia de incertezas. Mas acredita que devemos aprender com isso e sorrir diante da tragédia. Genevieve deixa o conselho: "Crie! O mundo precisa de arte agora mais do que nunca".

Pode acompanhar o projeto através do Instagram, na conta Plague History, e todos os outros trabalhos da artista no seu site.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.