Para quem viaja pelo mundo, a língua inglesa é, muitas vezes, a principal forma de comunicação, funcionando como idioma universal. Desta forma, os viajantes passam muito tempo a pensar em inglês e não conseguem evitar rir ou ficar chocados quando encontram um nome de cidade que tem um significado infeliz em inglês - mesmo que tenha um significado completamente diferente no seu idioma oficial.

Depois, seguem-se as piadas, as fotografias com as placas de identificação e, às vezes, até o roubo das mesmas. Em alguns casos, é o nome que torna o local numa atração turística. Para as pessoas que chamam a essas cidades de lar, o seu nome pode ser benção ou uma maldição e alguns locais acabam mesmo por mudar de nome para evitar as piadas de mau gosto.

Um pouco por todo o mundo existem vários locais com nomes capazes de nos fazerem rir e a Euronews reuniu alguns.

Anus, França

Anus tem o mesmo significado em português, francês e inglês, o que pode tornar o marketing deste destino turístico um verdadeiro desafio.

Twatt, Escócia

Apesar de várias atrações, incluindo um círculo de pedras neolítico e algumas das melhores praias do Reino Unido, a placa de sinalização para o pequeno povoado de Twatt (vagina) ainda é o maior sucesso entre os visitantes do arquipélago.

Muff, Irlanda

O título de nome de cidade mais engraçado na Irlanda é uma decisão difícil, mas Muff (vagina) no Condado de Donegal leva a coroa. A cidade possui o clube de mergulho mais antigo da Irlanda, o Muff Diving Club.

Intercourse, EUA

Tal como acontece com muitas cidades nos Estados Unidos, a arte de nomear uma cidade depende muito de expressões e jargões antigos. A Intercourse - relação sexual - por exemplo, que foi renomeada em 1814 para substituir o nome Cross Keys, terá sido chamada assim como uma referência à amizade e comunidade ou à posição geográfica numa encruzilhada.

Condom, França

Felizmente para os franceses, Condom é um "falso amigo", embora para os ingleses signifique "preservativo".  A cidade possui um rico tesouro arquitetónico, incluindo elegantes mansões do século XVIII e uma catedral gótica do século XVI, sendo um local de visita obrigatória.

Climax, EUA

Não há muito de excitante nesta pequena e tranquila cidade na zona rural de Minnesota. De certa forma, poderia-se dizer que é um anticlímax. A cidade, no entanto, adotou o antigo slogan: "Climax. Mais do que apenas um sentimento". Há mais quatro lugares nos EUA com o mesmo nome.

Dull, Escócia

Podem viver em Dull (significa Aborrecido), mas os habitantes desta vila em Perthshire são tudo menos isso. Além de ter um cenário deslumbrante das Terras Altas à porta, as pessoas de Dull também têm um grande sentido de humor. Tirando vantagem do nome pouco inspirador da vila, Dull juntou-se a Boring em Oregon, EUA, em 2012, antes de dar as boas-vindas a Bland em New South Wales, Austrália, que têm significados idênticos.

Hell, Noruega

Ao contrário da crença popular, o Inferno (Hell) pode mesmo congelar. Nesta pequena vila norueguesa as temperaturas podem chegar aos -25ºC no auge do inverno. Embora Hell em inglês signifique inferno, o nome da vila deriva de uma antiga palavra nórdica para "caverna do penhasco".

Bitche, França

Bitche não significa a mesma coisa em francês que em inglês. Mas isso não impede que os falantes de inglês se riam ao ver a cidade no mapa nem impede que tirem fotos divertidas junto às placas de identificação.

Fucking, Áustria

Os residentes da Fucking, na Áustria, estavam tão cansados do ridículo constante e do roubo de placas de sinalização que a cidade votou para mudar o seu nome em novembro. Apesar das evidências de que seu antigo nome remonta ao século XI, Fugging - como a cidade agora é chamada - está a tentar iniciar um novo capítulo longe de piadas de mau gosto.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.