Fica em Dixon, nos EUA, e tornou-se famosa porque, ao contrário da maioria das igrejas, onde o orgão fica no interior, para acompanhar musicalmente as cerimónias religiosas, no caso desta igreja, toda ela se parece com um orgão, mais concretamente, um orgão fálico.

A forma da igreja poderia passar despercebida, não fosse a tecnologia existente atualmente, como é o caso do Google Maps, que nos permite ver imagens de satélite de qualquer lugar do mundo. Basta inserir a morada da igreja - Christian Science Society, 324 West First Street, Dixon III - e encontramos a Igreja da Ciência Cristã de Dixon em toda a sua glória.

Assim que foi descoberto, este acidente arquitetónico tornou-se popular e uma fonte de constrangimento para a igreja, especialmente porque alguns utilizadores do Facebook passaram a chamá-la de um pedaço decepado do corpo de Cristo.

Christian Science Dixon

A Sociedade da Ciência Cristã, no entanto, respondeu na sua página de Facebook, usando o sentido de humor, tapando a igreja com uma folha de figueira, numa analogia a Adão e Eva.

Antes de 2011, a Igreja de Ciência Cristã de Dixon tinha uma forma diferente. No entanto, quando a Agência de Proteção Ambiental descobriu solo contaminado sob o domínio da igreja, o edifício teve de ser demolido e substituído. A equipa da igreja queria que o espaço tivesse um formato longo e retangular para permitir a iluminação natural, com uma curva de forma a preservar um carvalho existente junto à igreja. Quando a nova igreja foi erguida, ninguém poderia imaginar que estariam a rezar dentro de um orgão sexual gigante.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.