Foi assinado o contrato de empreitada para a recuperação do Miradouro do Imaginário, na passada sexta-feira, dia 12 de março, estando a inauguração do projeto prevista para o verão.

O projeto prevê a criação de um miradouro com uma varanda, em forma de barco rabelo, integrado numa zona suspensa a 145 metros de altura e pretende "homenagear os navegadores desta embarcação típica do Douro que, tradicionalmente, transportava as pipas de Vinho do Porto desde a região demarcada, até Vila Nova de Gaia e Porto", explicou o Município de Mesão Frio.

A estrutura do miradouro pretende transmitir a ideia de que se está "a navegar sobre o rio Douro" e está projetada para exibir acabamentos em aço corten, material que possui diferentes agentes químicos na sua composição, reconhecido pela resistência à ação corrosiva, de forma a tornar toda a estrutura mais resistente e duradoura. A operação contempla ainda, a instalação de iluminação cénica, para garantir maior visibilidade e segurança ao espaço.

Para além de valorizar o património e criar melhores condições para que os visitantes conheçam a paisagem do Douro Vinhateiro, Património Mundial da UNESCO, esta obra também irá integrará uma rota de miradouros existente no município e deverá intensificar a atratividade do local, que já é bastante visitado. O lugar do Imaginário atrai já milhares de turistas, beneficiando de uma panorâmica desafogada sobre o Rio Douro.

A empreitada será cofinanciada pelo Programa Operacional Regional do Norte – NORTE 2020, com o investimento total de 145.750 euros, sendo a taxa de comparticipação de 85%.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.