Durante os meses de verão de 2020 houve um aumento de viajantes que procuram destinos de férias mais perto de casa e esta tendência deverá manter-se em 2021.

Algarve e Alentejo foram as regiões onde os anfitriões típicos tiveram mais receitas durante o verão de 2020.1 Três dos dez distritos onde os anfitriões típicos ganharam mais dinheiro durante este período de tempo (de 1 de Junho a 31 de Agosto de 2020) situam-se no Sul de Portugal.

"As viagens deste verão serão sobre o restabelecimento da ligação com os nossos entes queridos, em destinos próximos e seguros. O interesse em viagens domésticas é uma boa notícia para os atuais e potenciais anfitriões, que numa época de incerteza económica podem ter acesso a rendimentos adicionais", diz Mónica Casañas, diretora geral da Airbnb.

As zonas rurais ou de baixa densidade populacional também foram as preferidas pelos viajantes, e os anfitriões típicos destas zonas ganharam quase 1.050 euros durante o verão. Quase 60% do rendimento total gerado pelos anfitriões na Airbnb em Portugal durante o verão de 2020 foi registado em destinos não urbanos e de baixa densidade populacional. Os anfitriões com casas em destinos de praia ganharam mais no verão de 2020, com o Algarve e o Alentejo no topo da lista.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.