Visitámos o NEMO num dia de muita chuva e vento em Amesterdão. A associação do nome deste museu da ciência e tecnologia, ao famoso peixe palhaço do filme da Disney Pixar foi inevitável, claro!

Até porque naquele dia, a água e a confusão na cidade era tanta que também isso nos remeteu para as aventuras do tal peixinho laranja.

Mas ficámos verdadeiramente desolados porque o temporal não nos permitiu usufruir das redondezas onde está instalado o NEMO. É que a pesquisa que tinha feito, fez-me elevar as expectativas em relação a este lugar.

Roteiro: 24 horas em Amesterdão
Roteiro: 24 horas em Amesterdão
Ver artigo

Todos os comentários que li de outros visitantes, faziam referência à forma do edifício, à bonita ponte, ao encanto do porto e dos seus barcos. Li até, que este era um roteiro muito agradável e valia só por si, um demorado passeio antes de entrar no NEMO.

Para nós, naquele dia caótico, o objectivo era mesmo alcançar a porta de entrada do museu o mais depressa possível. A lindíssima vista e o passeio descontraído tiveram mesmo de ficar para outra oportunidade!

No entanto, tenho de referir que o edifício esverdeado em forma de navio, não passa desapercebido na paisagem de Amesterdão. E lá dentro, está um bom programa para entreter toda a família.

O NEMO tem cinco pisos, bem divididos por áreas distintas.

Nemo Amesterdão
créditos: Viajar em Família

Por isso, proponho que vão com várias horas livres para conseguir explorar este espaço, que se propõe a “surpreender, fascinar e estimular”.

Já visitaram os estúdios do Harry Potter em Londres?
Já visitaram os estúdios do Harry Potter em Londres?
Ver artigo
Estão expostos vários temas: Espaço, Factos da Adolescência, Viagem através da Mente, Construções Espantosas, Electricidade, Laboratório… Tudo sempre relacionado com a ciência e a tecnologia.

E não se esqueçam, todos os sentidos são necessários para “mexer e experimentar” o mais possível, como eles próprios incentivam.

As bolas de sabão gigantes e a purificação da água (metia baldes de água e correrias) foram as nossas actividades preferidas.

Nemo Amesterdão
créditos: Viajar em Família

Reparei que todas as atracções e os funcionários têm uma explicação preparada em inglês. O que facilita bastante a interacção para estrangeiros, pois de outra forma não entenderíamos nada.

No fim desta visita ao NEMO, ficámos mesmo com a sensação de ter tido uma tarde bem passada em família. Além de que ficámos a saber muito mais sobre o nosso mundo e corpo de uma forma divertida.

DICAS PARA VISITAR O NEMO:

• Reservar no mínimo três horas para a visita (mas é muito fácil conseguir prolongar esse tempo em brincadeiras)

• Os grandes vidros do edifício mostram bonitas vistas da cidade e do porto, mas o café no último piso (e o seu terraço) tem a perspectiva mais especial

• Há diversas opções para comer e beber, desde sanduíches a pratos quentes e sumos naturais

• Pode-se também levar a própria comida e bebida, sendo depois consumida nos espaços preparados para esse efeito (com mesas e cadeiras)

• É uma visita com diversos temas e graus de dificuldade, o que acaba por contemplar os interesses de todas as idades

• Existem cacifos e bengaleiro (pago) para guardar casacos e mochilas

• Há uma loja com brinquedos científicos (é de livre acesso, não é preciso ter bilhete para o museu)

ACESSO:

O NEMO fica a cerca de um quilómetro da estação de comboios de Amesterdão e tanto a pé como de autocarro o percurso pode ser feito em cerca de 10 a 15 minutos.

BILHETES:

Adulto e criança (mais de 4 anos): 16,50 euros
Bebé (até 4 anos): grátis
Cartão de estudante: 8,25 euros
Amsterdam City Card: grátis

Por Joana Batista, do Viajar em Família